1º de Abril – Ato – Pelo direito à memória e a verdade

Na madrugada do 31 de março para o dia 1º de abril, tropas militares depunham o então Presidente João Goulart, que iniciava um processo de profundas reformas populares, com grande mobilização popular. Partidos políticos cassados, censura à imprensa, terrorismo de Estado e profundas reformas liberais impuseram 21 anos sombrios às lutas populares. Até hoje, muito dessa História ainda está por ser contada, muitos documentos importantes continuam secretos, muitas famílias não tiveram o direito de sepultar seus mortos e resquícios dessa sociedade autoritária permanecem vivos. Nesta sexta, no pátio central, não deixe de se manifestar!

Pela Abertura dos arquivos da Ditadura civil-militar!
Pelo direito à memória e a verdade!
Pela eliminação do entulho da Ditadura nas corporações policiais e militares e da Lei de Segurança Nacional!
Contra a criminalização dos movimentos sociais populares!

Sexta, 18h, no pátio!

Com a presença de Chico Bezerra, do fórum de ex-presos políticos de São Paulo.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s