Record exibe série de reportagens sobre a ditadura civil-militar

Semana passada, a rede Record de televisão exibiu uma série de quatro reportagens sobre atos de repressão praticados no período da chamada ditadura militar, da História recente do país.

Do Portal R7

Sítio era usado para torturar militantes durante a ditadura civil-militar

A poucas semanas da eleição o período é de democracia. Mas, na história recente do país há uma época nebulosa. Assista ao vídeo e veja a equipe de reportagem do Jornal da Record em busca de um sítio chamado 31 de Março de 1964, data do golpe militar. Neste lugar foram torturados e mortos militantes de esquerda. O repórter Rodrigo Vianna foi em busca desse segredo.

http://noticias.r7.com/videos/sitio-era-usado-para-torturar-esquerdistas-durante-a-ditadura-militar-/idmedia/26579db43dd7ba948a5205d1e078f8b7.html

http://noticias.r7.com/brasil/noticias/conheca-um-dos-lugares-usados-pela-ditadura-militar-para-torturas-20100817.html

Empresários bem sucedidos ajudavam a financiar a ditadura militar

Comendador Joaquim Rodrigues Fagundes usava a patente de coronel sem ser militar ou policial. Bem relacionado, o empresário era dono de um sítio onde militantes de esquerda teriam sido torturados e mortos por lutar contra a ditadura. Simples e tranquilo, Fagundes dava apoio estratégico e financeiro ao regime militar, que dominou o país durante 20 anos.

http://noticias.r7.com/brasil/noticias/empresarios-bem-sucedidos-ajudavam-a-financiar-a-ditadura-militar-20100817.html

Saiba quem eram os amigos poderosos de Fagundes

A ditadura militar usava sítios e centros clandestinos para torturar e matar quem se opunha ao regime. Joaquim Fagundes foi um dos coronéis, cúmplice de vários crimes e dono do sítio 31 de março, local para onde muitos esquerdistas eram levados. Assista ao vídeo e conheça quem eram os amigos poderosos de Fagundes.

http://noticias.r7.com/videos/saiba-quem-eram-os-amigos-poderosos-de-fagundes/idmedia/c1e86d74465c42fd35230638f08599d6.html

Apenas uma pessoa sobreviveu às torturas sofridas em uma casa em Petrópolis nos anos 70

No sobrado, em estilo alemão, funcionava um centro de tortura nos anos 70. Para lá eram levados militantes de oposição. A ordem era ninguém sair vivo do local. Uma única sobrevivente, Inês Etienne Romeu, deu um depoimento e o Brasil ficou sabendo sobre a existência do centro. Por ali passaram pessoas importantes, como o deputado Rubens Paiva, que foi sequestrado e morto, e Davi Capistrano da Costa, militantes comunista. O Jornal da Record descobriu o local onde ficava o principal centro da operação Condor, no centro de São Paulo. A Condor era uma operação que atuava em conjunto com outros países sob supervisão dos EUA.

http://noticias.r7.com/videos/apenas-uma-pessoa-sobreviveu-as-torturas-sofridas-em-uma-casa-em-petropolis-nos-anos-70/idmedia/0ed74eacf43f54565ef3300bdf77a56c-1.html

About these ads

2 comentários sobre “Record exibe série de reportagens sobre a ditadura civil-militar

  1. Época terrível estamos vivendo é agora, porque na época do regime militar ,o pais tinha autoridade os militares comandavam ,o cidadão de bem andava de cabeça erguida .Hoje quem domina o pais são as facções criminosas e o pais não tem comando nem autoridades para acabar com essa bandidagem ,esses que fazem essas reportagens sequer nem existiam na época .falam o que ouviam ,escrevem o que liam ,sem saber que muitas Informações são distorcidas,Infelizmente .a maioria dos brasileiros são desprovidos de memória . não lembram nem em quem votou nas ultimas eleições.Essas reportagens distorcidas aterrorizam quem não existia na época do regime militar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s